Terça-feira, 13 de Junho de 2006

Será, não será, como será?

Secarei por te esperar,

Esperarei por te secar,

Não sei explicar,

Mas será que tu sabes explicar?

Será? Não será? Como será?

Juro que quando eu secar não quero

Que me apanhes.

Seria humilhante, mas não tenho

Mais nenhum caule para me segurar

As pétalas.

Secarei eu por te esperar?


imaginado por electra às 22:04
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Borboleta a 13 de Junho de 2006 às 22:41
Secarei por te esperar, se te demoras
Esperarei por te secar, as lágrimas, com beijos.

Não sei explicar, mas existe esta corrente...

Mas será que tu sabes explicar?
Será que me consegues definir de que é feito
o teu jeito de magnetizar gente?

Será? Não será? Como será?
Como será em ti a passagem, p'ra outra margem?

Juro que quando eu secar não quero,
que me vejas morta e seca (de gente)

Que me apanhes, me embrulhes num jornal ...

Seria humilhante, mas não tenho,
muito mais tempo no tempo. Soltou-se o Vento.

Não tenho, mais nenhum caule para me segurar,
Se não o teu, aquele que me afaga a alma,
As pétalas, e faz delas a sua cama!

Secarei eu por te esperar?
Não, Amor, estou a chegar!

E levas-me onde? Á gruta dos Amantes!
Irei!




De Angel of Obscurity a 14 de Junho de 2006 às 01:35
sem palavras =)

beijo terno deste pekeno Angel**


Comentar post

*mais sobre mim


* ver perfil

* seguir perfil

. 11 seguidores

*pesquisar

 

*Maio 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


*Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

*posts recentes

* repara...

* Livro dos Poetas

* De mim para ti

*favoritos

* chuva

* reencontro

* volúpia

* cheers darlin'

* Se eu fosse...

* melodia

* resistir

* Dispença qualquer imagem,...

* Triângulo...

* colisão

SAPO Blogs

*subscrever feeds