Sexta-feira, 23 de Junho de 2006

Sente-me

Noite calorosa,

Lençol macio,

Perdi-me nesses teus braços e tu nos meus,

Sentimos aqui um obscuro luar,

Na escuridão da noite,

Meu amor faz-me sonhar...

Aqui não á quem diga que o calor vai passar,

Mas á quem murmure que o amor se vai ausentar,

Ausenta-se o amor e origina-se o prazer,

Não sei amor mas o que importa é o que nós sentimos

E disso não á dúvidas que nos envolve um grande amor.

Acredita amor que para mim, para ti e para esta imensa multidão,

As coisas mais lindas da vida não são tocadas,

Mas são sentidas assim como o teu amor...

sinto-me: Apaixonada
música: Dillema

imaginado por electra às 12:07
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Sandy a 23 de Junho de 2006 às 12:24
O amor a paixão são para mim indissociáveis. Como amaria apaixonadamente se não sentisse amor. Os actos amorosos são ums mistura de muitos sentimentos, é verdade. Mas o mais belo de todos é o amor e tudo o que ele origina. ;-) beijokas e continua a escrever.


Comentar post

*mais sobre mim


* ver perfil

* seguir perfil

. 11 seguidores

*pesquisar

 

*Maio 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


*Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

*posts recentes

* repara...

* Livro dos Poetas

* De mim para ti

*favoritos

* chuva

* reencontro

* volúpia

* cheers darlin'

* Se eu fosse...

* melodia

* resistir

* Dispença qualquer imagem,...

* Triângulo...

* colisão

SAPO Blogs

*subscrever feeds