Terça-feira, 12 de Setembro de 2006

reencontro

sigo as pegadas deixadas pela magoa do amor.

  encontro-te numas pegadas claras,

entre asas cansadas por me procurares.

olho o céu , num olhar fechado.

um mirar que mostra um azul poente

perdido pelas lágrimas choradas

numa tentativa de pôr fim ao dia.

nessa tentativa teus olhos cruzaram os meus

num olhar apaixonado mas mais uma vez preso!

aqueles teus olhos prendiam a minha procura,

onde haviam as passagens do presente,

os reencontros do passado e as tentativas de

um novo futuro já que o antigo estava cansado!

 

sinto-me: com as palavras que nao tinha!

imaginado por electra às 18:17
link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De MD a 12 de Setembro de 2006 às 23:26
amor.. odio.. encontros.. reencontros.. dor.. felicidade.. enfim.. suspiro... preciso de amar que isto anda mto calmo.. lol ****


De TiBéu ( Isa) a 13 de Setembro de 2006 às 01:04
Venho oferecer o meu link novo e o beijão da tibeu, pega no meu blog, caso queiras. Boa noite para ti e um beijo


De afonsinetes a 13 de Setembro de 2006 às 09:54
Olá, surgiu um imprevisto no meu blog www.afonsinetes.zip.net, tentei copisar um código que não devia e aletrei as definições de tal maneira que a única solução era desistir.
Mas consegui importá-lo para www.afonsinetes.weblogger.terra.com.br
O que não consegui foi importar os comentários, se já passaste la, obrigada, se comentaste no outro eu li na mesma e assim ficas a saber a nova morada.
Obrigada Afonsinetes.


De SerEU a 13 de Setembro de 2006 às 13:00
Estas palavras fazem-me pensar da necessidade de reciclar o amor. O que é reciclar? Colocar de lado o que já não faz falta e, através "desses restos", voltar a produzir algo de novo! O amor também precisa disso, de se reciclar, de deixar pôr de lado algumas coisas e, com base nelas, erguera algo mais forte, mais coeso. Enfim, NOVO!

É essencial perceber quando "o futuro antigo" está cansado!

É bom ver-te voltar em GRANDE! :p
Aquele nosso grande beijinho!


De MoonLight a 13 de Setembro de 2006 às 22:11
Então, depois das lágrima cairem, e limparem tudo o que houver para limpar, comecem do zero!
Sem pensar no passado ou no futuro. Só a viver o presente.
Bjs de Luz


De AP a 14 de Setembro de 2006 às 00:19
Voltarei para ler-te, passei só para deixar o meu novo link, agora, a dois

canetapartilhada.blogspot.com

Bjos


De Patrícia a 26 de Janeiro de 2008 às 22:28
poema muito bonito
parabéns

www.dark-luos.blogspot.com


Comentar post

*mais sobre mim


* ver perfil

* seguir perfil

. 11 seguidores

*pesquisar

 

*Maio 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


*Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

*posts recentes

* repara...

* Livro dos Poetas

* De mim para ti

*favoritos

* chuva

* reencontro

* volúpia

* cheers darlin'

* Se eu fosse...

* melodia

* resistir

* Dispença qualquer imagem,...

* Triângulo...

* colisão

SAPO Blogs

*subscrever feeds